HBSIS
HBSIS realiza prospecções e novos negócios durante a ABAD 2014

De 4 a 7 de agosto, Curitiba (PR) recebeu a 34ª Convenção Anual do Atacadista Distribuidor, a ABAD 2014. O evento, que é realizado pela Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (ABAD), reúne empresas e profissionais do setor de logística e distribuição com foco em promover novos negócios e soluções para o mercado.

A HBSIS, que atua na área através do HB.MDM, software para monitoramento de entregas em tempo real, participou da última edição do evento e avaliou os resultados obtidos. “Conseguimos evidenciar muito bem os ganhos que nossa aplicação traz para as operações logísticas. Os resultados aparecem num curto espaço de tempo. Os cases mostram isso claramente. O relacionamento dos clientes da base com as empresas que procuram aplicações com essas característica foi fantástico na feira, esperamos que isso tudo se concretize com novas vendas”, aponta o gerente comercial, Milton Felipe Helfenstein.

Atualmente, 21 companhias utilizam a solução, somando 2 mil veículos monitorados. O HB.MDM, além de manter frota e central em comunicação, emite e alertas de paradas não programadas e melhorias de rota, oferece controle da jornada dos motoristas e a possibilidade de se reverter devoluções ou atrasos. As informações são disponibilizadas em uma única interface, que é acessada pelo condutor do veículo através de dispositivos móveis ou teclados logísticos, e pela empresa através dos computadores.

Diagnóstico de gestão de entregas
A ABAD 2014 também foi o cenário escolhido pela HBSIS para a realização do diagnóstico de gestão de entregas do atacadista distribuidor. Os visitantes que passaram pelo estande da empresa puderam responder a um questionário sobre as ações da companhia do qual fazem parte e receberam por e-mail uma avaliação sobre os processos, com sugestões de melhorias.

“Nosso objetivo é mostrar como o investimento em tecnologia e soluções para a gestão de entregas é fundamental para a redução de custos e serviços mais eficientes”, explica Milton.

Fonte: Melz | Assessoria de imprensa - HBSIS