HBSIS
HBSIS DIVULGA ATUALIZAÇÕES DO SOFTWARE HB.PREVER

Investir em programas de prevenção e promoção da saúde é cada vez mais comum entre as empresas operadoras de planos de saúde. Além do caráter socialmente responsável, o investimento garante redução no número de atendimentos, evitados através de algumas mudanças de hábitos.

O software HB.Prever, criado pela HBSIS, tem conquistado espaço em todo o Brasil e é voltado justamente para o auxílio dessas ações de promoção e prevenção da saúde. Lançado em 2008, a solução vem evoluindo com alterações e adições nos módulos e ganha versão atualizada em 2013.

Entre os destaques estão a inclusão dos módulos para gestão de atividades educacionais, que tornará possível o controle de cursos, palestras, eventos ou treinamentos relacionados à promoção da saúde; novas opções de relatórios de acompanhamento de participantes e indicadores, que irão facilitar a obtenção dos resultados; o agendamento de atendimentos recorrentes, que permitirá a marcação de consultas sequenciais para participantes a partir da agenda do profissional, garantindo maior flexibilidade na hora de marcar de visitas.

A partir de agora, o HB.Prever também traz facilidades para as empresas que desejam fazer o registro dos programas da Agência Nacional de Saúde (ANS), com relatórios para emissão dos formulários de inscrição, cadastramento e monitoramento.

Na nova versão da solução, a HBSIS optou por criar um novo controle de licenciamento de software, que garante mais segurança no uso do sistema.

“Temos uma política muita clara e aberta para as solicitações de melhoria. A evolução das funcionalidades do produto ocorrem a partir de solicitações dos nossos clientes, avaliação de mercado, participação em eventos e governo, como é o exemplo das melhorias relacionadas a ANS”, comenta o gerente de produto da HBSIS, Gilberto Moura.

“Nossa expectativa é que estas novidades tragam maior aderência e atendam ainda melhor as necessidades de negócio dos nossos clientes, ampliando a visibilidade da gestão da área de promoção à saúde”, completa.

Fonte: Melz | Assessoria de imprensa - HBSIS