HBSIS
E-book destaca vantagens da gestão de entregas através de monitoramento e roteirização
E-book destaca vantagens da gestão de entregas através de monitoramento e roteirização

Material é gratuito e foi produzido pela HBSIS em parceria com a MapLink, líder em geolocalização. Gestores do segmento podem baixar o conteúdo através do blog.hbsis.com.br

Se o atraso nas entregas já traz uma série de desconfortos para o consumidor final, no caso de empresas ele é ainda mais preocupante. Isso porque, além de comprometer o estoque, pode gerar recusa no recebimento de mercadorias: o cliente pode adquirir o mesmo produto de outro distribuidor, ou recebê-lo com o prazo de validade muito próximo, por exemplo.

Neste cenário, o investimento em soluções de monitoramento, sejam sistemas de entrega ou de roteirização, é fundamental. Enquanto o primeiro garante à distribuidora ter acesso em tempo real às informações referentes a logística, garantindo maior controle, a roteirização otimiza o caminho a ser percorrido, evitando tráfego intenso ou rotas mais longas.

Estas questões são apontadas no novo e-book gratuito lançado pela HBSIS em parceria com a MapLink. Ambas as empresas são especializadas em soluções de logística. O novo material, com o título “Monitoramento de entregas e roteirizador de frotas: ferramentas fundamentais na distribuição” é voltado para gestores e profissionais do segmento pode ser baixado através do blog.hbsis.com.br.

Gilson Crispim, coordenador da HBSIS, explica que atualmente é fundamental que empresas de distribuição e logística contem com a tecnologia como aliada em seus processos. “Uma solução voltada para a gestão das entregas auxilia não só na redução de custos, como automatiza as tarefas, reduzindo a possibilidade de erros e aumentando a produtividade da equipe. Através desse tipo de sistema, a central tem maior controle sobre as ações externas e consegue garantir uma performance melhor. Já a roteirização possibilita traçar a rota com de mais de 90 pontos de parada e cálculos dos valores de pedágios do trajeto. Ajuda a definir o melhor tipo de transporte, cálculo e redução de gastos”, conclui.